Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Queima das paixões

       O Ser Humano deve vigiar constantemente os seus pensamentos, palavras e ações, para vencer todas as tentações do seu Espírito e da sua matéria.




Queima das paixões


       Levanta-se Deus; dispersam-se os seus inimigos; de sua presença fogem os que o aborrecem.
Livro dos Salmos, cap. 68:1.


Joguei no fogo
Todo desejo
E venci o medo
Que é um jogo
Muito perigoso.


E o fogo com paixão
Queimou cada objeto
Da minha escravidão.


Queimou a ira
Que produz a mentira
E o receio de ser sincera.


Queimou o ódio
Que queima por dentro
Com todo atrevimento
A alma de cada Ser.


Queimou o mau orgulho
Que serve de entulho
Nublando a consciência.


Queimou o mau egoísmo
Que alojava o cinismo
Por nome de economia.


Queimou a má inveja
Que a pessoa não herda,
Mas ela se faz presente
Em cada consciente
Agitando a serpente
Das más ações.


Queimou a má cobiça
Que o fogo atiça,
Mas também o apaga.


Queimou tudo isto
Que o Imortal Espírito
Tem de sublimar
Para poder fitar
Frente a frente
O Senhor JESUS.



JESUS no Sermão da Montanha
Obra prima de
 
Carl Heinrich Bloch, pintor dinamarquês (1834 a 1890).

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Remir pecados

     Cada pessoa deve através do seu livre-arbítrio remir os seus deslizes através das boas ações.





Remir pecados


     17 Também de nenhum modo me lembrarei dos seus pecados e das suas iniquidades, para sempre.
     18 Ora, onde há remissão destes, já não há oferta pelo pecado.
Epístola de São Paulo aos Hebreus, cap. 10:17 e 18.

    
O Ser Humano
Para não ficar ao abandono
Dos seus pecados
Deve removê-los
Do Livro de Sua Vida.


Ele mesmo
Deve pelo próprio esforço
Sair do ermo
Em que se colocou
Quando se afastou
Do Amor de DEUS.


Tem a oportunidade
De no meio da Humanidade
Exercer a prática da Caridade
E remir os seus deslizes. 

                Mahatma Gandhi, filósofo e libertador da Índia (1869 a 1948).  



terça-feira, 8 de abril de 2014

Guerra espiritual

     O fenômeno geralmente deslumbra os olhos, mas o lado moral dele alerta ao Espírito que é Energia.




Guerra espiritual


     Porque a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes.
Epístola de São Paulo aos Efésios, cap. 6:12.


A luta atual
É contra as hostes do mal
Na intimidade humana
De onde emana
Todo movimento belicoso.


Toda a má inveja
Que no homem medra
Dele tem que se desfazer
Para que ele possa comparecer
Diante de si.


Toda a má cobiça
Que o atiça
A tomar o bem alheio
Deve por um freio
E conviver com o que é seu.


Todo o ódio
Deve tirar do pódio
Do seu coração
Que é o lugar de santificação
Onde o SENHOR DEUS habita.


Todo o mau orgulho
Que está no tugúrio
Do seu Ser
Não deve permanecer.


Todo o mau egoísmo
Que cria o despotismo
E aprisiona as gentes
Deve ser descartado.


Tudo o que acorrenta
E sempre afugenta
As boas ovelhas
Que são os bens eternos
Que formam o Homem de Bem
Deve ser lançado fora
Porque chegou a hora
Do Ser Humano Vertical.

A Ascensão de JESUS
Obra prima de Benjamin West.

sexta-feira, 4 de abril de 2014

Que loucura


       Se a semente cai no solo e não fica presa nele, como pensar que o Espírito Eterno vai ficar preso ao chão?




Que loucura


       Mas Deus lhe dá corpo como lhe aprouve dar e a cada uma das sementes, o seu corpo apropriado.
Primeira Epístola de São Paulo aos Coríntios, cap. 15:38.


Que loucura
Uma ínfima criatura
Querer por fim
À vida que DEUS lhe deu
E com ela se comprometeu
Através da criação.


Como alguém pode dar fim
A algo que não conhece o fim,
Mas sempre um começo?

       “Pois assim também é a ressurreição dos mortos”.


A Natureza
Mostra a proeza
Da semente que cai na terra
Vence ela
E ressurge numa árvore
Que produz vários frutos
Vencendo os brutos
Balanços dos ventos.


Tudo isso é mostrado
Para o Ser Humano
Ver em si manifestado
O Poder do Seu CRIADOR.


O fim de uma Circunferência
É onde a existência
Está nas rodas das vidas
Para retornar ao princípio.


      “Nascer, morrer, renascer ainda e progredir sempre, tal é a lei”.


    












   Allan Kardec, educador, escritor e tradutor francês (1804 a 1869).

segunda-feira, 31 de março de 2014

Fé e Trabalho

     Se a pessoa obtiver um bom resultado nas várias faculdades que fez, mas não usá-lo, o que adiantou estudar tanto? O que ocorre? Mata o conhecimento, pois a Fé se mostra pelas obras e não pela contemplação.






Fé e Trabalho


     Meus irmãos, qual é o proveito, se alguém disser que tem Fé, mas não tiver obras? Pode, acaso, semelhante Fé salvá-lo?
Epístola de São Tiago, cap. 2:14.


A Fé e o Trabalho
Têm uma importante combinação:
A Fé é a substância
O Trabalho é a materialização.


Os dois juntos caminham
Ajudando o progresso,
A pessoa estuda e trabalha
Pelo seu próprio sucesso.


A Fé mostra o caminho
Que estava obscuro,
O Trabalho o descobre
Porque acende luz no escuro.


     “Queres, pois, ficar certo, ó homem insensato, de que a Fé sem as obras é inoperante?”.


A Fé
Levanta o véu
Para mostrar o céu
Das grandes realizações.


O Trabalho vai e realiza
Porque nada improvisa,
Mas levanta bem alto
O que de fato
Estava oculto.

Maternidade Estelar Cabeça de Cavalo.  

    Como foi criado o Todo Universal?
Com a ação permanente do SENHOR DEUS. DELE disse JESUS: "Meu PAI trabalha até agora e Eu trabalho também".

quinta-feira, 27 de março de 2014

A Fé é DEUS

       A Fé não é uma corrida louca atrás das coisas necessárias, mas o poder de conquistá-las com trabalho e equilíbrio.




A Fé é DEUS


       Disse-lhe JESUS: Filipe, há tanto tempo  estou convosco , e não Me tens conhecido? Quem me vê a Mim vê o PAI; como dizes tu: Mostra-nos o PAI?
Evangelho de JESUS segundo João, cap. 14:9.


Não deboches da Fé,
Pois ela é
Em sua extensão
A manifestação
Do Poder de DEUS
Que gerou os filhos seus
Pela Fé Vocativa.


Se ela é a substância
Das coisas que se deseja,
Ela é em essência
O próprio DEUS
Que satisfaz os desejos
De toda existência.


Pela Fé o Ser Humano
Consegue o seu objetivo
Que é o motivo
Da sua vida.


Pela Fé ele estuda
E sempre muda
O seu destino.


É ela que move as montanhas
Silenciosas e estranhas
Que tentam erguer fronteiras
No seu presente.


Pela Fé ele forma a sua família
E dia após dia
Procura mantê-la bem estruturada.
A Família Sagrada, São João Batista e Isabel
Obra prima de

Simon Vouet, pintor francês (1590 a 1649).